Sedução

Seduzindo o amigo tímido e solitário

Querido (nome),

de repente me flagrei pensando em você... você está sempre tão quietinho, tão sozinho, que até parece um bichinho perdido na calçada, com medo de atravessar a avenida! Sei lá, mas me deu vontade de perguntar se você é mesmo feliz desse seu jeito reservado, com estes seus olhinhos que dão a impressão de esconder uma pontinha de melancolia...
Espero que você não se sinta invadido pela minha curiosidade e por estas observações, mas é que está se aproximando o dia dos namorados e eu percebo que para você esta data não significa absolutamente nada... Vejo todo mundo correndo, consultando revistas e catálogos para encontrar o presente adequado para os seus amores e você se mantém sempre impassível a esses apelos.
É só mesmo o seu jeito de ser ou você está mesmo meio tristinho? Sabe, eu também tenho me sentido um pouco sozinha... nada grave, mas sempre é bom ter por perto alguém que a gente goste para conversar, trocar idéias sobre filmes, livros e até mesmo só para ficar pertinho, sem falar nada...
Olha, se você realmente não tem alguém para oferecer um presente neste dia 12 de junho, saiba que, vindo de você, estou aceitando qualquer coisinha, por mais singela que seja, como um botão de rosa ou uma resposta para esta cartinha!

Feliz Dia dos Namorados,
da sua amiga,
(assinatura)