Saudade

Saudade da amante querida

Neste verão estou melancólico. Com o calor extenuante vem também o sufoco da ausência, pois nestes momentos de tristeza o que mais pega é a saudade de você. O peito fica apertado pelo amor contido, sinto então uma imensa vontade de te ver, de ficar com você.
É como se me faltasse o ar, sinto esta ânsia de encontrá-la logo, o mais depressa possível. Este nosso romance, embora seja proibido pelos nossos compromissos, não é fácil de esquecer. Sei que você deve sentir a mesma coisa, e acredito que a sua angústia também é grande, por isso devemos nos encontrar logo.
Precisamos nos ver imediatamente, esquecer todos os embaraços e circunstâncias para conseguir ser feliz. Quero trocar beijos maravilhosos, saciar-me e saciar você, gozar os momentos possíveis, pois sei que esse é também o seu desejo.
Esse amor que não esquecemos e que nos abrasa deve ser vivido já, vamos esquecer as barreiras, ninguém pode empatar o nosso romance, pois sabemos que ele é passageiro, embora muito forte, sabemos que um dia ele vai acabar.
Um beijo do seu amor que é proibido, mas que está fora de controle.

(assinatura)