Para Nomes

Para a Vanessa

Para a Vanessa Querida Vanessa,

que nome poético você tem! Não é à toa, afinal ele foi inventado pelo poeta americano J. Swift para batizar um tipo de borboleta. A invenção do nome Vanessa ocorreu a partir de um anagrama parcial do nome de Ester Vanhomrigh, amiga íntima do poeta.
Não há nada mais leve e colorido do que o amor, do que este amor belo e natural que você fez despertar em mim. Você tem a graciosidade de uma borboleta em pleno vôo, o dom de fazer as flores se multiplicarem, de tornar o céu e os campos mais coloridos.
Minha deusa alada e dona das cores. Você tem a capacidade de agradar os meus olhos e de iluminar o meu coração. Minha vida seria mais triste e sombria se eu não tivesse a sua companhia doce e leve, se eu não te sentisse sempre a bailar em torno de mim, como fazem as verdadeiras borboletas quando encontram belos canteiros ou fontes de água límpida.
Meu amor, além disso, adoro ficar repetindo este seu nome lindo. Vanessa, Vanessa, Vanessa, eu te amo demais e adoro senti-la voando em direção aos meus braços.
Beijo grande do seu,
(assinatura)